conecte-se conosco


Esportes

Vanderlei Luxemburgo se despede do comando do Vasco

Publicado


O Club de Regatas Vasco da Gama informa que Vanderlei Luxemburgo comandará o time pela última vez no jogo contra o Goiás, nesta quinta-feira (25), às 21 horas, em São Januário, válido pela 38ª rodada do Campeonato Brasileiro. A decisão foi tomada em comum acordo.

Vanderlei Luxemburgo e sua comissão técnica comandaram o treinamento na tarde desta quarta-feira (24), reiterando foco total da equipe na busca pelo resultado positivo diante do Esmeraldino. O experiente  treinador agradeceu a oportunidade de comandar o time pela segunda vez e ressaltou que são procedimentos naturais para a reestruturação do clube.

“Olá, torcedor vascaíno. É um prazer estar falando com vocês novamente, mas de uma maneira um pouco mais diferente, de uma maneira triste. Não conseuimos fazer a renovação do contrato. O Vasco da Gama entendeu que não deveria dar continuidade no meu trabalho nessa temporada que vai começar dentro do próprio ano, que é uma coisa meio confusa, né? Então a diretoria do Vasco da Gama entendeu que eu não deveria continuar em função da reestruturação que o Vasco da Gama vai passar. E eu entendi que isso faz parte de um processo natural, normal no futebol. O Vasco perdeu não só orçamento, que obviamente diminuiu bastante, e a diretoria está fazendo tudo aquilo que tem que ser feito para uma reestruturação. A minha renovação não cabia nesse momento no Vasco da Gama, eu entendo perfeitamente e não saio daqui com nenhuma mágoa, muito pelo contrário, feliz por ter tido a oportunidade de trabalhar no Vasco da Gama.  

Infelizmente o objetivo, meu, de voltar ao Vasco da Gama, faltando 12 jogos, e as pessoas falando: – Mas você vai correr riscos na sua carreira? O Vasco da Gama não é correr riscos. Muito pelo contrário, é um prazer muito grande e a possibilidade de poder, em 12 jogos, evitar que o Vasco fosse para a divisão de acesso, para a segunda divisão, era o objetivo principal. Então as pessoas achando que vai macular a imagem porque vai para o Vasco da Gama e o Vasco da Gama caiu… Quem não quer trabalhar nesse grande Clube, dessa grandeza que é o Vasco da Gama? Poder contribuir de uma certa maneira. Eu acho que estaria contribuindo se mantivesse o Vasco na primeira divisão. Não consegui. Eu queria continuar, mas a diretoria entendeu, pela reestruturação, que não cabia o Vanderlei Luxemburgo nessa reestruturação. Eu entendo que é natural, é normal. Eles têm que fazer aquilo que cabe dentro do orçamento deles, aquilo que eles acham que pode ser feito. 

E dizer também que, aquilo que falei, que eu só aceitaria salário se o Vasco se mantivesse na primeira divisão, tem um documento já sendo preparado pelo (Alexandre) Pássaro pra eu assinar, abrindo mão dos dois meses de salários, porque eu sou um cara de palavra. Eu não mantive o Vasco na primeira divisão, e se eu não mantive, eu não tenho direito de receber absolutamente nada. Então eu tenho só a agradecer, só agradecer ao Vasco da Gama por ter me dado mais uma oportunidade de trabalhar aqui, e ter podido tentado contribuir. Fiz o máximo que um profissional pode fazer, mas infelizmente não consegui, mas tenho que deixar aqui meu agradecimento ao torcedor vascaíno que esteve comigo, aos funcionários do Vasco da Gama, seu staff, pessoal que trabalhou junto comigo aqui, um grande abraço a todos, e dizer que a vida continua, e que o Vasco da Gama, com certeza estarei aqui do lado de fora torcendo.  

Essa reestruturação, ela está sendo dada, um pontapé, e essa ída para a segunda divisão ela dói bastante ao torcedor do Vasco da Gama, mas também pode ser uma coisa que se o Vasco da Gama entender que precisa fazer uma reestruturação mesmo, forte, dura, que doa a quem doer, o Vasco da Gama pode ser que no próximo ano já esteja aí na elite de novo do futebol brasileiro de uma maneira diferente, com credibilidade, com tudo aquilo que o Vasco da Gama sempre teve. Um grande abraço a todos os vascaínos, torcedores do Vasco da Gama.”

O diretor executivo de futebol, Alexandre Pássaro, fez questão de enaltecer o trabalho do treinador e de sua comissão técnica.

“Em nome do Vasco da Gama, venho agradecer o Vanderlei Luxemburgo e toda sua comissão técnica pelos serviços prestados por estes dois meses. Sou testemunha de tudo que ele e a comissão técnica fizeram durante esse trabalho e nos 11 jogos que passaram. Amanhã terá outro jogo e Luxemburgo continuará no comando do time assim como os auxiliares e todo mundo imbuídos da vitória. Independentemente do resultado da partida e das consequências do resultado, o Vanderlei não será mais o treinador do Vasco da Gama a partir da sexta-feira. Quero agradecer mais uma vez em nome do Vasco tudo o que ele fez, pela coragem, pelo caráter, pelo profissionalismo e pelo trabalho que ele demonstrou durante esses meses. Chegamos juntos aqui no dia primeiro de janeiro, num projeto que já estava em andamento e com o campeonato em seu terço final e a partir de agora, depois do jogo, na sexta-feira, a nova diretoria irá se pronunciar e falar dos novos rumos, das novas diretrizes e das novas decisões do Vasco da Gama a partir do resultado do jogo de quinta-feira.”

Comentários Facebook

Esportes

São Paulo recebe o Santo André pelo Paulistão

Publicado


Após estrear com vitória na Conmebol Libertadores ao derrotar o Sporting Cristal (PER) por 3 a 0, em Lima, o Tricolor retomará o foco na disputa do Campeonato Paulista. Nesta sexta-feira (23), às 20h, no Morumbi, o São Paulo receberá o Santo André em duelo válido pela sexta rodada do estadual.

Com 19 pontos, o time são-paulino lidera o Grupo B, com 19 pontos em oito jogos. A equipe dirigida por Hernán Crespo é seguida por Ferroviária (dez), Ponte Preta (sete) e São Bento (cinco).

Pela frente, o Tricolor enfrentará um adversário que está no terceiro lugar do Grupo A, com seis pontos em seis partidas.

O São Paulo chega embalado ao duelo desta noite, no Estádio Cícero Pompeu de Toledo, depois de vencer os cinco jogos que disputou nesta retomada após a paralisação: São Caetano (5 x 1), Red Bull Bragantino (1 x 0), Guarani (3 x 2), Palmeiras (1 x 0) e Sporting Cristal (3 x 0).

Após o confronto com o clube do ABC Paulista, o São Paulo visitará o Ituano no próximo domingo (25), no interior, na sequência do torneio regional.

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Lucas Braga quer reação do Santos contra o Novorizontino: “Temos que nos levantar”

Publicado


A derrota por 2 a 0 para o Barcelona de Guayaquil na última terça-feira (20), na Vila Belmiro, pela estreia na fase de grupos da Conmebol Libertadores de 2021, já é página virada no Santos FC. O Peixe visita o Novorizontino nesta sexta (23), às 22h15, no estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte, pela 7ª rodada do Paulistão, e o atacante Lucas Braga quer ver a equipe comandada por Ariel Holan mostrando poder de reação na temporada.

“A vantagem de ter uma maratona tão grande de jogos é que a gente já pode dar a volta por cima na partida seguinte. A gente não pode e nem tem tempo para ficar se lamentando. Temos que nos levantar, porque ainda tem muita coisa para acontecer na temporada. O importante é seguir sempre olhando para frente. Precisamos virar a chave, pois amanhã já tem um compromisso importante pelo Paulista e temos que buscar um grande resultado”, afirmou o camisa 30.

E logo após o duelo no interior de São Paulo, o Alvinegro Praiano terá pela frente uma sequência decisiva na temporada. Neste domingo (25), o Santos FC recebe o Corinthians, na Vila Belmiro, pela 8ª rodada do Paulistão. Já na terça-feira (27), os santistas visitam o Boca Juniors, às 21h30, em La Bombonera, pela segunda partida da fase de grupos da Libertadores.

“É uma sequência bem complicada, sim. Vivemos um momento atípico, com tantos jogos em um curto espaço de tempo. Mas temos que seguir trabalhando firme por aqui, preparar principalmente a parte psicológica, pois serão partidas bem importantes para a sequência do e precisamos conquistar essas vitórias”, concluiu Lucas Braga.

Comentários Facebook
Continue lendo

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana