conecte-se conosco


Esportes

Um olho na Superliga e outro em Tóquio

Publicado

source

Começa neste sábado (9) a mais importante edição da Superliga dos últimos tempos. É claro que para os clubes participantes, no final das contas, o que vale é o título. Só que para as seleções brasileiras feminina e masculina a principal competição interclubes do país vai servir como uma espécie de preparatório para Tóquio 2020. Tanto Renan Dal Zotto quanto José Roberto Guimarães estarão ligados no desempenho dos atletas que ainda buscam uma vaga nas seleções brasileiras. Um bom desempenho na competição pode carimbar a vaga de algum deles. Um desempenho vacilante pode tirar um atleta da Olimpíada.

No feminino este é o caso de Sheilla. Mais novo reforço do Itambé/Minas, a oposta estará sob pressão. Se não conseguir retomar à velha forma que lhe rendeu a glória na seleção brasileira, dificilmente estará no time que vai tentar o tricampeonato olímpico em Tóquio 2020. Entre os homens a briga pela posição de ponteiro da equipe nacional é boa. Leal e Lucarelli parecem ter vaga garantida. Maurício Borges e Douglas Souza têm preferência na posição. Mas se Lucas Lóh, do Sesi São Paulo, arrebentar na Superliga, será que Renan vai deixá-lo de fora da lista olímpica?

Mesmo regulamento para homens e mulheres

A Superliga Masculina conta com doze equipes que jogam em turno e returno. As oito mais bem colocadas avançam às quartas-de-final, e o mata-mata continua até a final, que vai ser disputada em melhor de três jogos. Participam desta edição o atual campeão EMS Taubaté Funvic, o América Vôlei, o Apan Blumenau, o Denk Academy Maringá, o Fiat/Minas, o Pacaembu Ribeirão Preto, o Sada Cruzeiro, o Sesc Rio, o Sesi São Paulo, o Vôlei Renata e o Vôlei Um Itapetininga. O Ponta Grossa Vôlei entrou na última hora em substituição ao Botafogo, que desmontou o time e desistiu de participar da competição.

Comandado por Renan Dal Zotto, o Taubaté aparece como o principal favorito. Reunindo uma verdadeira seleção brasileira em quadra, o vencedor do ano passado começou bem a atual temporada levando os títulos da Supercopa e do Campeonato Paulista. Outras três equipes podem ser consideradas postulantes à taça: O supercampeão Sada/Cruzeiro, o Sesc Rio e o Sesi São Paulo. O Fiat/Minas e o Vôlei Renata devem comer pelas beiradas para tentar uma vaga na grande decisão.

Disputa feminina

A Superliga feminina tem o mesmo regulamento da masculina. Participam doze clubes: Flamengo, Curitiba Vôlei, Dentil/Praia Clube, Pinheiros, Fluminense, Osasco/Audax, São Cristóvão Saúde/São Caetano, São Paulo/Barueri, Sesc Rio, Sesi Bauru, Valinhos, além do atual campeão Itambé/Minas.

Ao menos cinco equipes surgem em condições de disputar o título. Nenhuma delas têm o status de favorita absoluta. Neste início de temporada o Dentil/Praia Clube aparece com força. A equipe de Uberlândia foi campeã mineira e também da Supercopa, os dois títulos foram obtidos em cima do rival Itaimbé/Minas, outro que deve dar trabalho às adversárias. Além dos times mineiros, Sesc Rio (do técnico Bernardinho), Osasco/Audax e Sesi Bauru também são candidatos ao título. Outras equipes podem surpreender. É o caso do São Paulo Barueri. A equipe é formada por jovens jogadoras, mas conta com o comando do tricampeão olímpico José Roberto Guimarães e já mostrou força ao chegar à final do Campeonato Paulista.

As dúvidas ainda são muitas, e as respostas devem aparecer rodada a rodada na Superliga. A promessa é de muita emoção e disputas acirradas em quadra.

Edição: Fábio Lisboa
Comentários Facebook

Esportes

Barcelona vence Leganés e se distancia na liderança do Espanhol

Publicado

source

O líder do Campeonato Espanhol não foi brilhante, mas na volta ao Camp Nou, venceu. No confronto desta terça-feira (16) contra o último colocado da tabela, o Leganés, o Barcelona fez 2 a 0, em partida válida pela 29ª rodada da La Liga. Ansu Fati e Lionel Messi marcaram os gols da vitória, que levou o time catalão aos 64 pontos, cinco a mais do que o segundo colocado, Real Madrid, que vai jogar quinta-feira (18) contra o Valencia.

O placar foi aberto aos 42 minutos do primeiro pelo jovem africano Ansu Fati, de 17 anos. Nascido em Guiné-Bissau, ele é naturalizado espanhol. No segundo tempo, coube ao artilheiro da La Liga, o argentino Messi, ampliar o marcador. O camisa 10 do Barça, de pênalti, chegou ao gol de número 21 na competição pelo 12º ano consecutivo. Foi o gol de número 699 na carreira do argentino.

Esta foi a segunda rodada do Espanhol após três meses de paralisação por conta do novo coronavírus (covid-19). No início da partida, no estádio Camp Nou, houve um minuto de silêncio em homenagem às 27.136 vítimas fatais da pandemia no país.

Edição: Sergio du Bocage

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Bayern de Munique vence Werder Bremen e conquista o octacampeonato

Publicado

source

Com duas rodadas de antecedência e emoção no fim da partida, o Bayern de Munique conquistou na tarde hoje (16) seu oitavo título alemão consecutivo. Os bávaros precisavam de uma vitória simples fora de casa contra o Werder Bremen para levantar a taça, e não decepcionaram: 1 a 0 com gol do artilheiro Robert Lewandowski.

Os visitantes partiram pra cima logo no início do jogo. Aos três minutos, Davies cruzou na área, mas Gnabry acabou não alcançando a bola. O Werder Bremen melhorou e conseguiu controlar as ações adversárias, pelo menos até os 20 minutos do primeiro tempo. Foi quando um temporal desabou sobre o vazio Werestadion, empolgando o líder da Bundelisga, que começou a massacrar a equipe adversária. Aos 22 minutos, Coman teve oportunidade de cabeça após cruzamento de Müller. Três minutos depois, Kimmich chutou na trave. A pressão não parou até o gol sair.

Como não era incomodado, o Bayern passou a ser só ataque, até que o zagueiro Boateng encontrou Lewandowski sozinho na área. O polonês dominou e tocou na saída do goleiro para abrir o placar.

Na segunda etapa, o Bayern continuou muito superior e controlou a partida até os 33 minutos, quando o lateral-direito Davies recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Lutando contra o rebaixamento, o Werder Bremen precisava atacar. O dono da casa pressionou, acuou o adversário e só não empatou devido a uma defesa milagrosa de Manuel Neuer aos 44 minutos. Bartels cruzou pela direita e Osako desviou de cabeça no canto direito. O goleiro voou para garantir o octacampeonato do Bayern de Munique e começar a festa no estádio adversário.

Apesar da conquista, o título alemão não foi fácil. O Bayern começou mal a temporada com o técnico Niko Kovac. Após sofrer uma goleada de 5 a 1 para o Eintracht Frankfurt, o treinador croata foi demitido. Hans-Dieter Flick assumiu interinamente e oscilou no início. Com o tempo, o time encaixou e chegou ao título com 17 vitórias e um empate nas últimas 18 rodadas da Bundesliga. No próximo sábado (20), às 10h30 (horário de Brasília) o agora octacampeão recebe o Freiburg, na Allianz Arena.

 

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Comentários Facebook
Continue lendo

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana