conecte-se conosco


Esportes

Série D: jogadores do São Caetano ameaçam não entrar em campo

Publicado


Os jogadores do São Caetano divulgaram uma nota nesta sexta-feira (23) na qual afirmam que decidiram não entrar em campo no próximo sábado para enfrentar o Pelotas no estádio Anacleto Campanella pela Série D do Campeonato Brasileiro.

Segundo a nota, a medida foi tomada em razão de atrasos de salários de atletas, membros da comissão técnica e outros funcionários.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Douglas Pires (@goleirodouglas) em 23 de Out, 2020 às 9:14 PDT

Esta não é a primeira vez que os jogadores do Azulão ameaçam não entrar em campo pela atual edição da Série D. Antes do jogo da última quarta (21) contra o Joinville, já houve uma ameaça de paralisação, que foi contornada com a promessa da diretoria de que honraria os compromissos financeiros até esta sexta.

Até o momento a direção do São Caetano não se pronunciou sobre a nota dos jogadores.

O Azulão está no grupo 8 da Série D do Brasileiro, com 5 pontos após 7 partidas disputadas (1 vitória, 2 empates e 4 derrotas).

Leia a íntegra da nota

Após reunião realizada na manhã desta sexta-feira entre nós (jogadores), membros da comissão técnica e funcionários, decidimos que não vamos entrar em campo neste fim de semana.

Deixando assim de enfrentar o Pelotas em confronto que aconteceria neste sábado (24), às 18h, no Anacleto Campanella, pela nona rodada da primeira fase da Série D do Campeonato Brasileiro.

Essa difícil decisão, porém necessária, foi tomada devido ao não recebimento dos honorários dos últimos meses, direito fundamental de todo trabalhador.

Por conta dessa situação (atraso de salários) que se arrasta pelos últimos meses no clube, definimos por não disputar a próxima partida, para que atitudes sejam tomadas e desta forma corrigir o rumo deste time que tanto respeitamos.

Veja a classificação atualizada da Série D do Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

Comentários Facebook

Esportes

Mais três pontos! Ju vence o Náutico e segue no G4 da Série B

Publicado


O Verdão lutou muito para conquistar a 11ª vitória na Série B. A equipe do técnico Pintado recebeu o Náutico e com gol de Capixaba no comecinho do segundo tempo, venceu por 1×0. Com os três pontos conquistados, o Juventude chega aos 40 e se mantém no G4, na quarta colocação. A partida ocorreu na noite deste sábado (28/11), no estádio Alfredo Jaconi.

O jogo

O primeiro tempo foi truncado e de poucas oportunidades de gol para os dois lados. O Náutico até tentou propor o jogo nos primeiros minutos, mas o Juventude soube adminsitrar as investidas do adversário. Quando foi para o ataque, o time Alvivetde mostrou força. Aos 15, Cajá cobrou escanteio e Odivan subiu na segunda trave para mandar de cabeça. Anderson apareceu para tirar no ângulo.

O Juventude voltou a assustar e quase abriu o placar aos 27. Capixaba recebeu na entrada da área, limpou o marcador e soltou a bomba. Anderson, mais uma vez, fez milagre. O Náutico ainda assustou com Erick, em chute colocado, mas Carné, bem posicionado, fez a defesa.

Se o Verdão não conseguiu balançar as redes no primeiro tempo, precisou de menos de dois minutos para inaugurar o marcador na etapa complementar. Aos dois, Capixaba recebeu de Grampola na entrada da área e soltou o pé. A bola  desviou na zaga e estufou as redes. 1×0. A partir daí o jogo voltou a ficar truncado e com poucas oportunidades.

Os visitantes tiveram duas chances com Kieza. Aos onze, o camisa nove finalizou de dentro da área, mas parou em boa defesa de Carné. Aos 28, Kieza aproveitou sobra na pequena área e tentou a bicicleta. A queima-roupa, Marcelo Carné mostrou segurança mais uma vez e operou um milagre! Com o placar na mão, o Juventude segurou bem o jogo, controlou as ações e garantiu mais uma importante vitória na Série B.

O próximo compromisso Alviverde é longe de casa. Na próxima quarta-feira (02), às 19h, o Juventude viaja até Ribeirão Preto para enfrentar o Botafogo (SP).

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Santos goleia o Sport por 4 a 2 e avança na tabela

Publicado


Na tarde de sábado (28), o Santos goleou por 4 a 2 o Sport na Vila Belmiro com gols de Marinho, Lucas Braga, Bruno Marques e Soteldo. Com o triunfo, o Peixe avançou na tabela e assumiu a 5ª colocação.

Em ótimo momento na temporada, foi a primeira vez no ano em que o time santista marcou quatro gols em uma partida.

O Alvinegro teve o retorno do técnico Cuca, após ficar afastado pelo Covid-19. E o seu retorno foi coroado com uma substituição fundamental para a vitória santista. Ele promoveu a estreia nos profissionais do atacante Bruno Marques, de 1,94m. E com poucos minutos em campo, a sua estrela brilhou.

Agora, o próximo compromisso do Peixe será o jogo da volta diante da LDU, pela Taça Libertadores, também na Vila Belmiro, na terça-feira (1), as 19h15. O Santos pode empatar ou até perder por um gol de diferença que estará classificado para as quartas de finais.

O jogo

O Santos iniciou a partida pressionando, e logo aos três minutos em falta cobrada por Marinho, surgiu a primeira oportunidade de gol. A zaga do Sport desviou a bola para escanteio, e o árbitro Wilton Pereira foi chamado pelo VAR para visualizar o lance com mais precisão. Ao analisar a jogada, o árbitro assinalou pênalti para o Santos, constatando que o desvio da zaga do Sport foi com a mão. Marinho foi para a cobrança, e marcou seu 13º gol no Campeonato Brasileiro, mantendo a vice-artilharia na competição. No ano, foi o seu 19º tento.

Sete minutos depois, Diego Pituca lançou Lucas Braga na entrada da grande área, e o atacante santista finalizou com categoria para marcar o segundo gol do Peixe, e mais uma vez ,o VAR entrou em ação. O árbitro anulou o gol alegando impedimento do zagueiro Lucas Veríssimo, que estava participando do lance. Após a checagem do VAR, o gol foi validado, e Lucas Braga pôde comemorar seu 2º gol com a camisa do time santista, e o primeiro no Campeonato Brasileiro.

Comentários Facebook
Continue lendo

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana