conecte-se conosco


Esportes

NBB adapta disputa para ter primeiro turno em sedes pré-estabelecidas

Publicado


.

A temporada 2020/2021 do Novo Basquete Brasil (NBB) terá uma adaptação ao sistema de disputa. Na primeira fase, como nos últimos anos, os clubes se enfrentarão em jogos de ida e volta. A diferença é que o primeiro turno será realizado em etapas sediadas, ou seja, com grupos de times se encarando numa mesma cidade. Depois, as equipes de um grupo duelam com os de outros, também em sedes pré-estabelecidas.

O processo se dará dessa forma até que os 16 participantes tenham jogado entre si. A Liga Nacional de Basquete (LNB), organizadora do torneio, ainda definirá as cidades que receberão as partidas e como serão os grupos. As equipes representam sete estados (Ceará, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo) e também o Distrito Federal.

Segundo a LNB, o formato permitirá maior controle dos protocolos de saúde, determinados pelas autoridades, em meio à pandemia do novo coronavírus (covid-19) e reduzirá a logística das equipes na primeira fase. A manutenção desse modelo no segundo turno depende do cenário sanitário do país. Em caso de melhora, com os times podendo atuar nos respectivos ginásios, um sorteio definirá o mandante das partidas.

No mais, o sistema de disputa é o mesmo das últimas edições, com os 12 times mais bem colocados da primeira fase avançando aos playoffs. Os quatro melhores vão direto às quartas de final e aguardam o mata-mata entre os clubes classificados entre a 5ª e a 12ª posições. Devido à pandemia, o torneio passado terminou sem campeão. O NBB 2020/21 começa em 14 de novembro. O Cerrado Basquete, de Brasília, é a novidade entre os participantes.

Mercado agitado

Após anunciar o técnico Demétrius Ferraciú, o Corinthians confirmou os primeiros reforços para o NBB: o pivô Lucas Cauê, o ala Malcolm Miller, o ala/pivô Arthur Bernardi e o armador Gegê.  Destaque ao último deles, cinco vezes campeão do torneio, quatro pelo Flamengo e uma pelo Bauru. O Timão também renovou os contratos dos armadores Ricardo Fischer e Kyle Fuller.

Este último, que virou ídolo da torcida, declarou-se ao Alvinegro e à Fiel em um vídeo no Instagram. “Deixa eu falar uma coisa, do fundo do meu coração. Sem [falar de] basquete, eu sou muito corintiano. Muito corintiano. Meu sangue é preto e branco. Mano, eu sou muito favela, muito louco. E por isso sempre estou aqui. Eu brigo pela bola, bato no peito, grito com vocês e dou tudo em quadra. Para vocês”, declarou Fuller.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Zoom (@zoomfuller) em 15 de Set, 2020 às 5:31 PDT

Campeão na edição 2017/18, o Paulistano renovou com o técnico Régis Marelli, com o armador Felipe Ruivo e com os pivôs Victão e Maique. O Alvirrubro também acertou o retorno do armador Deryk, que integrou na o time vencedor do NBB  na temporada 2017/18. No Bauru, o armador Alexei Patrício, que estava no Minas Tênis Clube, é a sétima cara nova para a temporada. Já o Mogi das Cruzes garantiu a permanência do armador Fúlvio e do ala-pivô Fabrício e reforçou o grupo com o armador Cassiano e os alas Rafael Previatti e Dominique Coleman.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Comentários Facebook

Esportes

Luisa Stefani e Hayley Carter estão na final em Estrasburgo

Publicado


.

Ao lado da norte-americana Hayley Carter, a brasileira Luisa Stefani, 23 anos, garantiu, nesta quinta-feira (24), uma vaga na decisão do WTA International de Estrasburgo, na França.

A vaga na grande final, que será a quarta decisão de WTA Internacional da carreira da dupla, veio com a vitória sobre a canadense Gabriela Dabrowski e a letã Jelena Ostapenko. A conquista em sets diretos (6/4, 6/3) foi uma revanche já que as rivais desta quinta haviam eliminado a brasileira e a norte-americana no Aberto da Austrália deste ano.

As rivais da final, prevista para sábado, saem do duelo entre a americana Nicole Melichar e a holandesa Demi Schuurs, e a cabeça de chave 3, as japonesas Shuko Aoyama e Ena Shibahara.

Esta é a quarta final de WTA International da carreira de Luisa. Ao lado da americana Carter, ela tem dois títulos, em Tashkent e em Lexington. A brasileira já atinge a posição 32 no ranking de duplas.

 

 

Edição: Lílian Beraldo

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Libertadores: Líder do Grupo G, Santos enfrenta o Delfín no Equador

Publicado


.

O Santos fecha nesta quinta-feira (24) a participação dos clubes brasileiros na quarta rodada da Fase de Grupos da Copa Libertadores. O Peixe vai encarar o Delfín (EQU) fora de casa, no Estádio Jocay, na cidade de Manta, no Equador, às 23h (horário de Brasília). O time brasileiro é o primeiro colocado do Grupo G, com sete pontos conquistados. Enquanto os equatorianos são o quarto, com um ponto na tabela de classificação.

Se a equipe da Vila Belmiro vencer na noite de hoje (24), nas duas rodadas restantes da Fase de Grupos, basta somar um ponto para assegurar a vaga para as oitavas de final. 

O outro confronto do Grupo G válido pela quarta rodada, aconteceu ontem (23). O Defensa y Justicia (ARG) venceu o Olimpia (PAR) por 2 a 1 na capital Buenos Aires, na Argentina. Com esse resultado, os argentinos alcançaram a vice-colocação, com seis pontos conquistados. Já os paraguaios, com cinco, ocupam a terceira posição. 

A equipe da Vila Belmiro permanece invicta na competição. Nos três primeiros confrontos disputados até o momento, foram duas vitórias e um empate. No Campeonato Brasileiro, os santistas aparecem na oitava colocação. Do outro lado, o Delfín busca a sua primeira vitória na Libertadores, em três jogos, empatou um e perdeu dois. No Campeonato Equatoriano, o adversário dos paulistas é o nono colocado.

Na terceira participação na Libertadores, o Delfín busca avançar pela primeira vez às oitavas de final. Em 2018 foi eliminado na Fase de Grupos, terminando a participação na lanterna do grupo. Já em 2019 parou na Segunda Fase, que é classificatória para a Fase Grupos.

Edição: Fernando Fraga

Comentários Facebook
Continue lendo

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana