conecte-se conosco


Esportes

Bruna Benites destaca Brasileiro Feminino como trunfo para seleção

Publicado


.

Mais experiente entre as 24 convocadas pela técnica Pia Sundhage para uma semana de treinamentos na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), a zagueira Bruna Benites avalia que a edição deste ano da Série A1 (primeira divisão) do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino é a mais forte da história do torneio. A experiente defensora, que completa 35 anos em outubro, entende que isso impacta, de forma positiva, no processo de renovação da seleção, da qual já foi capitã.

“Aos poucos, a gente vê novas atletas serem inseridas e acredito que isso se dá devido à competitividade do Campeonato Brasileiro. Acredito que elas merecem as oportunidades que estão tendo na seleção. Temos atletas de nível muito alto que também poderiam estar aqui. O processo é gradativo. A gente está envelhecendo e com essas atletas estando aqui dentro, já participando, tendo a vivência, colocando na seleção a vontade que elas têm, tudo acontece de maneira natural”, analisou a zagueira em entrevista coletiva nesta terça-feira (15).

“Acho que, quanto mais forte a competição nacional, mais aumenta o nível das jogadoras e elas chegam mais preparadas. Isso se reflete na tabela. Há uma diferença mínima de pontos do líder [Santos, com 24 pontos] para o último da zona de classificação [São Paulo, oitavo, com 14 pontos]. É um campeonato bastante equilibrado, que aumenta a responsabilidade de cada uma de nós e facilita o trabalho da Pia, pois ela tem cada vez mais atletas qualificadas para a seleção”, completou.

Devido às restrições para viagens causadas pela pandemia do novo coronavírus (covid-19), além de não ter como realizar amistosos, a seleção só pôde se reunir com atletas que atuam no Brasil. Nesta terça, as jogadoras realizaram um treinamento de compactação defensiva e formação ofensiva pela manhã, com atividades físicas à tarde. A zagueira Tainara (Santos), as meias Carol (São Paulo), Duda e Vanessa (ambas do Cruzeiro) e a atacante Ary Borges (Palmeiras) foram chamadas pela primeira vez à equipe principal.

“Temos um belo futuro pela frente. Quando as atletas chegam aqui, mesmo sendo a primeira vez, não estranham tanto. Pudemos comprovar isso. Todas elas estiveram à vontade. Foi o primeiro treino e em um nível altíssimo. As novatas foram muito bem. Acho que isso será cada vez mais constante, a melhora da intensidade do jogo no Brasil e, consequentemente, a gente melhora o nível da seleção brasileira também”, disse Bruna, que defende o Internacional e esteve nas Olimpíadas de Londres e do Rio de Janeiro.

Além das revelações, a edição deste ano da competição nacional foi reforçada por atletas que estavam no exterior. O Corinthians, por exemplo, repatriou a meia Andressinha no início do ano. O Santos trouxe de volta a zagueira Tayla, que estava em Portugal, enquanto a Ferroviária acertou o retorno da atacante Chú. Durante a paralisação, o Palmeiras teve o adeus da atacante Bia Zaneratto (que havia sido emprestada pelo Wuhan Xinjiyuan, da China, e precisou retornar), mas compensou com a chegada da meia Camilinha.

“Estou muito contente de a liga brasileira estar tão competitiva e de outras meninas também terem retornado para dar essa força e qualidade para nosso campeonato, que pode ser um dos melhores do mundo. Aqui no Brasil, tive a oportunidade de conhecer muitas atletas jovens, porém muito talentosas. Acredito que a Pia também esteja feliz com a oportunidade de observar todo mundo”, finalizou Tayla, também convocada para os treinos na Granja Comary, em entrevista coletiva na última segunda-feira (14).

Confira a classificação da Série A1 do Brasileiro Feminino.

Edição: Fábio Lisboa

Comentários Facebook

Esportes

LNF 2020: Brasília busca primeira vitória contra embalada Intelli

Publicado


.

Dois jogos movimentam hoje (21) a Liga Nacional de Futsal (LNF). Às 17h (horário de Brasília), a Intelli Tempersul recebe o Brasília, em Dracena (SP), pelo Grupo A. Depois, às 20h15, o Atlântico visita o Foz Cataratas em confronto do Grupo B.

Intelli e Brasília se reencontram dez dias após o duelo na capital federal. Na ocasião, os alas Tatinho e Felipe Reis e pivô Vitinho garantiram aos paulistas a primeira vitória na edição 2020 da LNF – o fixo Luan Leite descontou. O time de Dracena, em terceiro na chave, com sete pontos em quatro jogos, quer o terceiro resultado positivo seguido, embalado pelo triunfo sobre o Corinthians, por 3 a 2, na última terça-feira (15).

O Brasília, que ainda não venceu após seis partidas, está em penúltimo no grupo, com dois pontos. Nos últimos dois jogos, a equipe encarou o Magnus Sorocaba, líder da chave e único time com 100% de aproveitamento até o momento. Em casa, na quarta-feira passada (16), perdeu por 3 a 1. No sábado (19), jogando no interior paulista, foi superado por 2 a 0.

Já o duelo em Foz do Iguaçu (PR) coloca frente a frente o time da casa, que vem da primeira vitória na LNF 2020 após seis jogos, e o líder do Grupo B. O Atlântico acumula 11 pontos e encabeça a chave com três triunfos, uma derrota e dois empates, um deles fora de casa – no último sábado (19), por 0 a 0, com o Cascavel -, e outro com o próprio Foz, em Erechim (RS), por 2 a 2, no último dia 5.

O ponto somado pelo empate em Erechim era o único dos paranaenses na competição até sábado (19). Na ocasião, o Azulão das Três Fronteiras recebeu o Blumenau e venceu por 2 a 1, chegando à sexta colocação no Grupo B, com quatro pontos.

Domingo de gols

Em Francisco Beltrão (PR), o Carlos Barbosa superou o Marreco por 4 a 3, em jogo com transmissão ao vivo da TV Brasil. Os gaúchos abriram 3 a 0 no primeiro tempo, com gols do pivô Vini e dos alas Pedro Rei e Douglinhas.

Na etapa final, o fixo Amadeu e o ala Lolatto diminuíram para os donos da casa, mas o ala Fellipe Mello marcou o quarto dos visitantes. Amadeu ainda fez o terceiro do Marreco, mas a reação parou aí. A vitória levou o Carlos Barbosa a dez pontos, e à terceira posição do Grupo B, ultrapassando o próprio time beltronense, que caiu para quarto lugar, com nove pontos.

Em Campo Mourão (PR), a equipe da casa assumiu o quinto lugar do Grupo C ao obter a primeira vitória na temporada. O time bateu o Jaraguá, de virada, por 4 a 3. O pivô Sinoê, com dois gols, foi o destaque dos mourãoenses, que também balançaram as redes com o ala Ernandes e o fixo Bruninho. Os alas Ygor e Ruan e o pivó Jé marcaram para os catarinenses, que estão em sexto na chave, com três pontos.

Já o Umuarama, também atuando em seus domínios, derrotou a Assoeva por 2 a 1 e se manteve na liderança do Grupo A, agora com 14 pontos. Os alas Caio Jotinha e Augusto fizeram os gols do time paranaense, com o ala Vini Scola descontando para os gaúchos, que sofreram o primeiro tropeço na temporada. O time de Venâncio Aires (RS) é o terceiro do grupo, com sete pontos.

Confira AQUI a classificação completa da Liga Nacional de Futsal.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Covid-19: seis infectados, Flamengo encara Barcelona-EQU nesta terça

Publicado


.

A lista de desfalques do Flamengo será grande para enfrentar o Barcelona de Guayaquil, do Equador, amanhã (22), às 19h15 (horário de Brasília) pela Copa Libertadores da América. O clube anunciou na noite deste domingo (20), por meio do Twitter, que seis jogadores testaram positivo para o novo coronavírus (covid-19), entretanto os nomes dos atletas não foram divulgados. Desta forma, o sexteto terá de cumprir isolamento social preventivo por 14 dias. Embora o comunicado do clube afirmasse que todos os infectados estavam  assintomáticos, o meio-campista Diego Ribas publicou um vídeo no Youtube em que revela sentir dores na garganta.

Outro desafio do técnico Domenèc Torrent para  montar o time rubro-negro  amanhã (22) será substiutuir outros cinco desfalques motivos diferentes. Os atacantes Gabriel Barbosa e Pedro Rocha, além do lateral-direito João Lucas estão se recuperando de lesão na coxa. Já o goleiro Diego Alves segue em tratamento de lesão no ombro. E, por fim, engrossando a relação de ausentes, o zagueiro Gustavo Henrique recebeu cartão vermelho na goleada por 5 a 0 contra o Independiente Del Valle e terá de cumprir suspensão.

No grupo 1 da Copa Libertadores, o vice-líder Flamengo, com seis pontos conquistados, vai encarar o lanterna Barcelona de Guayaquil, que ainda não pontuou, na casa do adversário, na cidade de Guayaquil. Os rubro-negros vão entrar pressionados pelas duas derrotas sofridas no dois últimos jogos. Pelo Campeonato Brasileiro o carioca perdeu fora de casa para o Ceará por 2 a 0. Pela Libertadores, na última quinta(17), os rubro-negros sofreram a impactante goleada por 5 a 0 contra o Del Valle, no estádio Casa Blanca, em Quito, no Equador.

 

 

 

 

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Comentários Facebook
Continue lendo

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana