conecte-se conosco


Esportes

Uruguai goleia Equador no Mineirão na estreia na Copa América

Publicado

Lance

Deu a lógica no Mineirão. O Uruguai confirmou o favoritismo na estreia na Copa América ao vencer o Equador, por 4 a 0, neste domingo, em Belo Horizonte, de forma incontestável. Lodeiro, Cavani e Suárez, no primeiro tempo e Mina, contra, no segundo tempo, marcaram os gols da Celeste, que teve domínio das ações do início ao fim da partida e jogou com um homem a mais desde os 23 do primeiro tempo.

Leia também: Após sair perdendo, Catar busca empate com o Paraguai na Copa América

l. suárez
GUSTAVO RABELO/PHOTOPRESS/Agência O Globo

L. Suárez fez o terceiro gol do Uruguai no jogo contra Equador na estreia da Copa América

Com o resultado, os uruguaios assumiram a liderança do Grupo C, com três pontos. Japão e Chile fecham a rodada, nesta segunda-feira, no Morumbi. A equipe comandada por Óscar Tabárez volta a campo na próxima quinta-feira, para encarar o Japão, na Arena do Grêmio, às 20h. O Equador viaja até Salvador para jogar com o Chile, na Fonte Nova, sexta-feira, no mesmo horário. 

Poder ofensivo celeste

Dono de um dos ataques mais temidos da Copa América, o Uruguai fez valer a fama e foi para cima do Equador no nos primeiros minutos de jogo. Aos cinco minutos, Nicolás Lodeiro, opção do “Maestro” Tabárez no time titular no lugar de Arrascaeta, recebeu a bola na entrada da área, driblou dois adversários e fuzilou no canto de Alex Domínguez para abrir o placar.

Leia também: Nas oitavas! Lloyd brilha e Estados Unidos vence o Chile no Mundial feminino

Show de Cavani

A situação da seleção equatoriana, que já era ruim, piorou quando Quintero deu uma cotovelada no rosto de Lodeiro e foi expulso pelo árbitro brasileiro Anderson Daronco, após revisão no vídeo. Com mais espaços, Cavani entrou em ação e deu um verdadeiro show no Mineirão.

Depois de quase marcar de letra, o atacante do PSG ampliou com um golaço de voleio, em bola escorada por Godín para o meio da área. A Celeste ditava o ritmo da partida e tinha domínio completo das ações. O terceiro gol era apenas questão de tempo e saiu no final da primeira etapa com Luis Suárez. Em bola alçada na área, Cáceres desviou para a segunda trave e o “El Pistolero” apareceu livre para finalizar.

Em ritmo de treino

Com o resultado construído e um homem a mais, o Uruguai voltou do intervalo com um jogo bem menos intenso. O time rodava a bola, sem ser ameaçado pelos equatorianos, incapazes de reagir. A falta de ação em campo chegou a originar vaias das arquibancadas.

Jogo de um só time

A dinâmica da partida não se alterou até o apito final. E para completar uma noite desastrosa para o Equador , Mina marcou um gol contra, depois de jogada articulada entre Suárez, Cavani e Pereiro, aos 34. O lance precisou ser confirmado no monitor do VAR, por dúvidas sobre impedimento. Do outro lado, Muslera deixou o campo com o uniforme intacto. Estreia com pé direito e festa uruguaia nas arquibancadas.

Leia também: Torcedor colombiano é esfaqueado na Bahia após jogo da Copa América

FICHA TÉCNICA
URUGUAI 4 x 0 EQUADOR

Data/Hora: 16/06/2019, às 19h (de Brasília)
Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Gramado: Bom
Público/Renda: 13.611 torcedores/R$ 1.534.535,00
Árbitro: Anderson Daronco (BRA) Nota L! – 6,5 Teve com controle e acertou na expulsão de Quintero
Auxiliares: Marcelo Van Gasse (BRA) e Kleber Lúcio Gil (BRA)
VAR: Wilton Sampaio (BRA)
Assistentes de VAR: Fernando Ripalini (ARG) e Rodrigo Correa (BRA)
Cartões amarelos: Lodeiro, Giménez (URU); (EQU)
Cartão vermelho: Quintero, 23’/1ºT (EQU)

Gols: Lodeiro (5’/1ºT, 1-0), Cavani (32’/1ºT, 2-0), Luis Suárez (43’/1ºT, 3-0) Mina – contra (34’/2ºT, 4-0)

URUGUAI: Muslera; Cáceres, Giménez, Godín e Laxalt; Bentancur, Vecino (Valverde, 37’/2ºT) Nández (Pereiro, 18’/2ºT) e Lodeiro (Torreira, 28’/2ºT); Luis Suárez e Cavani Técnico: Óscar Tabárez

EQUADOR: Alex Domínguez; Quintero, Mina, Achilier e Caicedo; Orejuela, Intriago, Antonio Valencia e Mena (Velasco, 27’/1ºT); Enner Valencia e Preciado (Romario Ibarra, intervalo). T écnico: Hernán Gomez

Comentários Facebook

Esportes

Após dois anos na Itália, zagueiro Vitor Hugo pode voltar ao Palmeiras

Publicado

Lance

Vitor Hugo arrow-options
Divulgação

Vitor Hugo

O Palmeiras está em negociação com a Fiorentina para repatriar o zagueiro Vitor Hugo. Campeão da Copa do Brasil de 2015 e do Brasileirão de 2016 pelo clube, o defensor vê com bons olhos a chance de retornar ao seu país e a uma equipe em que tornou-se identificado.

Leia mais: Flamengo, Corinthians, São Paulo, Palmeiras e Vasco serão exclusivos do PES 2020

Dono de 131 jogos e 13 gols com a camisa alviverde, o ex-camisa 4 foi vendido em maio de 2017 à Fiorentina , por 8 milhões de euros (cerca de R$ 30 milhões na época). De acordo com o jornalista Gianluca Di Marzio, o Besiktas (TUR) também tem interesse, mas o Palmeiras  pagará 5,5 milhões de euros (R$ 23 milhões) para recontratar Vitor Hugo .

Procurado, o clube ainda não confirma o acerto. Juninho foi emprestado ao Bahia, e no momento Luiz Felipe Scolari tem quatro zagueiros à disposição: além dos titulares Luan e Gustavo Gómez, Antônio Carlos e Edu Dracena estão no grupo. 

Leia mais: Craque Neto dispara contra Palmeiras e Felipão: “Vocês são tudo pé de rato”

Vitor Hugo foi contratado do América-MG e tornou-se um dos principais zagueiros do país no Verdão, tanto que chegou a ser convocado para a Seleção Brasileira. Em 2017, não viveu bons momentos antes de ser negociado, mas sempre repetiu ter carinho pelo Palmeiras.

Em duas temporadas pela Fiorentina,  Vitor Hugo fez 54 partidas e marcou uma vez. Ele, por enquanto, está realizando a pré-temporada com a equipe italiana.

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Hulk iraniano chama brasileiro de covarde após desistência de luta

Publicado

Hulk Iraniano chama lutador brasileiro de covarde arrow-options
Reprodução / Instagram

Hulk Iraniano chama lutador brasileiro de covarde

O Hulk iraniano, como é conhecido Sajad Gharibi, decidiu demonstrar toda a sua raiva em uma publicação nas redes sociais, em função da desistência do brasileiro Romário dos Santos, que iria enfrentá-lo em um combate.

O confronto aconteceria na Polônia, mas diante do cancelamento do evento, o Hulk do Irã decidiu se manifestar contra seu oponente e usou palavras fortes para isso.

“Logo percebi que este covarde brasileiro se recusava a lutar comigo no cage . Eu deveria ter percebido que ele não teria coragem para me encarar”, esbravejou Gharibi .

“Ele queria arrancar minha cabeça. Que grande piada. Eu gostaria de tê-lo enfrentado para poder esmagar sua cabeça sob meus pés”, disse o iraniano. Ainda em busca de um rival, ele completou: “De qualquer forma, estou animado por um bom desafio. Vou destruir quem ousar me desafiar”, concluiuo Hulk iraniano.

Ver essa foto no Instagram

Having accepted his challenge, I soon realized that this coward Brazilian Romario( brazilian hulk) refused to fight with me in the cage. I should have known he wouldn’t have the guts to face me. He wanted to knock my head off what a hilarious joke! I wish I could have faced him in the cage so that I could crush his head under my feat. Anyhow, I’m excited for a good challenge. Whoever comes, I’ll be ready. Let me put it in a nutshell whoever dares to challenge me I’ll destroy him. بعد از اینکه من چالش و دعوت مبارزه را قبول کردم متوجه شدم روماریوی ترسوی هالک برزیلی جا زده است و از ترسش حاضر به مبارزه با من در قفس نیست ، از همان اول هم شوخی خنده داری بود که این بچه گفت سر من را جدا خواهد کرد امیدوار بودم که او را در قفس له میکردم که دیگر جرات نکند حرف بزرگتر از دهانش بزند . به هر حال ما در اوج آمادگی هستیم برای مبارزه و حتما به بهترین پیشنهاد جواب مثبت خواهیم داد . هر کس که بخواهد من را به چالش بکشد به بدترین شکل پایان او را رقم خواهم زد . تاکیید میکنم روماریو ترسوی برزیلی حتی از روبرو شدن با من قبل مسابقه هم هراس داشت در هر صورت من برای مسابقه اخر سال میلاد کاملا آماده هستم @romariohulkbrasileirooficial

Uma publicação compartilhada por iranian hulk 🇮🇷 (@sajadgharibiofficial) em 18 de Jul, 2019 às 9:13 PDT


Comentários Facebook
Continue lendo

Ouça Agora

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana