conecte-se conosco


Esportes

Rodada da NBA tem jogaço entre Suns e Pelicans e Warriors nos playoffs

Publicado


No melhor jogo da rodada da NBA, a franquia de Phoenix bateu os Pelicans na prorrogação
Reprodução/@suns

No melhor jogo da rodada da NBA, a franquia de Phoenix bateu os Pelicans na prorrogação

Na noite deste sábado, oito jogos movimentaram mais uma rodada da NBA . Entre duelos que só foram decididos na prorrogação, astros carregando suas equipes nas costas e classificações para os playoffs, os fãs de basquete não tiveram do que reclamar.

Primeiro, no que talvez possa ser considerado o jogo mais interessante desta rodada da NBA , o New Orleans Pelicans recebeu o Phoenix Suns e tinha tudo para ganhar: torcida a favor, rival já eliminado e a expectativa de reverter o mau momento. Porém, nada disso foi suficiente e os visitantes acabaram vencendo o jogaço na prorrogação por 138 a 136.

Leia também: Rodada desta 6ª tem show de James Harden e Bucks mostrando “força de líder”

Devin Booker foi o grande destaque da partida, anotando 40 pontos e distribuindo 13 assistências. Pelos Pelicans, Julius Randle somou 21 pontos, enquanto o astro Anthony Davis teve mais uma noite apagada e só contribuiu com 15.

A 17ª vitória, que não faz diferença na classificação uma vez que a equipe não tem mais chances de conseguir vaga nos playoffs, traz um pouco de alento aos torcedores de Phoenix. Já a franquia de New Orleans soma a 42ª derrota na temporada regular e a sexta seguida, mostrando que está seguindo “ladeira abaixo” e pode dar mais tristezas aos torcedores.

Resultados da rodada da NBA – 16/03/2019

  • Atlanta Hawks 120 x 129 Boston Celtics
  • Memphis Grizzlies 128 x 135 Washington Wizards
  • Phoenix Suns 138 x 136 New Orleans Pelicans
  • Cleveland Cavaliers 116 x 121 Dallas Mavericks
  • Golden State Warriors 110 x 88 Oklahoma City Thunder
  • Portland Trail Blazers 103 x 108 San Antonio Spurs
  • Indiana Pacers 100 x 102 Denver Nuggets
  • Brooklyn Nets 98 x 114 Utah Jazz

Atuais campeões estão classificados


Franquia de Golden State conseguiu mais uma boa vitória neste sábado e garantiu vaga nos playoffs
Reprodução/Warriors

Franquia de Golden State conseguiu mais uma boa vitória neste sábado e garantiu vaga nos playoffs

O que era óbvio que aconteceria se tornou realidade matemática neste sábado: o Golden State Warriors está classificado para os playoffs da NBA. E a vaga veio após uma fácil vitória sobre o Oklahoma City Thunder fora de casa.

Sem nem precisar da participação do poupado Kevin Durant, os Warriors não tiveram dificuldades para bater os rivais por 110 a 88 e chegar ao 47° triunfo na temporada regular. Faltando poucos jogos para o início da pós-temporada, a equipe já não pode mais ser alcançada pelo nono colocado, atualmente o Sacramento Kings.

O duelo teve uma particularidade: o contraste da excelente atuação de Stephen Curry e Klay Thompson, os “Splash Brothers”, com a apagada noite de Russell Westbrook. O astro do Thunder esteve irreconhecível, anotou apenas 7 pontos, e foi uma das principais causas do resultado final favorável aos visitantes.

Quem esteve bem foi Paul George, que somou 29 pontos e pegou 13 rebotes. Porém, sua boa atuação solitária não foi suficiente para que o OKC pudesse fazer frente ao rival.

O resultado, além de definir a vaga matemática dos Warriors, deixa o Thunder em situação complicada na tabela de classificação: com a vitória por 108 a 103 sobre os Blazers, o San Antonio Spurs está cada vez mais perto e pode roubar a 5ª posição já na próxima rodada.


O que vem por aí

Na próxima rodada da NBA , que acontece neste domingo, serão disputados oito jogos. Destaque para o fortíssimo duelo entre 76ers x Bucks. A franquia de Philadelphia tentará parar o rival da Conferência Leste, que lidera com folga e vem de sequência de duas vitórias consecutivas. Tem tudo para ser o “jogo da noite”!

Comentários Facebook

Esportes

Bicampeão com a escuderia, Niki Lauda é homenageado pela Ferrari em museu

Publicado


niki lauda
Reprodução

Nikki Lauda foi bicampeão com a Ferrari nos anos 1970

Niki Lauda foi um dos maiores pilotos da história da Fórmula 1 e isso não dá para negar, ele deixará saudades aos fãs e às escuderias do automobilismo.

Leia também:  Williams anuncia britânica líder da W Series como piloto de desenvolvimento

Bicampeão com a Ferrari , Niki Lauda recebeu uma homenagem simples e emocionante no museus da escuderia italiana. Na sessão em que estão expostos todos os carros que já foram campeões da Fórmula 1 no Museu Maranello, as luzes foram apagadas e iluminaram apenas a Ferrari 312T com que Lauda venceu o campeonato de 1975.


homenagem da ferrari
Reprodução

Ferrari iluminou o carro em que Niki Lauda venceu seu primeiro mundial de pilotos na F1

O carro tem um significado importante para a equipe, já que o pódio de Niki Lauda rompeu uma série de 11 anos que a Ferrari não vencia um campeonato na F1. O último título tinha sido em 1964 com o britânico John Surtees.

O austríaco de 70 anos, que faleceu no último dia 20 de maio , venceu por três oportunidades o mundial de pilotos da Fórmula 1 . Nos anos de 1975 e 1977 ele conquistou o troféu correndo pela Ferrari, já em 1984 o caneco veio com a McLaren.

Leia também:  Consórcio Rio Motorsport construirá autódromo do Rio de Janeiro; veja mais

Niki Lauda somou 52 pódios em sua carreira, sendo 24 pole positions e 25 vitórias. Encerrou sua carreira nas pistas em 1985. Trabalhou com aviação por um tempo antes de retornar à F1 como consultor técnico extraordinário da Ferrari nos anos 1990. Também atuou como diretor na Jaguar e Mercedes.

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

CSA não perdoa indisciplina de trio gringo e demite Pablo Armero

Publicado


Torcida do CSA
Reprodução/Instagram

O CSA não perdoou a indisciplina de Armero e o afastou do elenco do clube.

Nesta tarde, a diretoria do CSA definiu o destino do trio de estrangeiros do clube, composto por Armero, Maidana e Manga Escobar. Em nota publicada hoje, a diretoria do time alagoano confirmou que o colombiano Pablo Armero não faz mais parte do elenco da equipe. Os outros gringos foram multados, mas segurião atuando no clube. Confira a nota abaixo:

“O Centro Sportivo Alagoano comunica que, depois do clube tomar conhecimento dos últimos fatos com os atletas Maidana, Manga Escobar e Pablo Armero, tomou a decisão de multar os três atletas em 20%, e afastar o Pablo Armero do seu quadro de funcionários após um entendimento amigável. Maidana e Manga Escobar seguem seus respectivos trabalhos no CSA

Leia também: Trio de estrangeiros deverá deixar o CSA após mau comportamento

A decisão do CSA vem após o trio de jogadores ter sido flagrado por torcedores em um bar na véspera do embarque da equipe para Porto Alegre, onde enfrentaria o Internacional. Maidana e Manga estavam machucados e não seguiriam com o clube.  Já Armero estava relacionado para o jogo que seria disputado.

O trio inteiro foi multado em 20% do salário. Porém, apenas o lateral colombiano foi desligado do CSA . Aos 32 anos, Armero chegou no clube alagoano este ano e disputou apenas quatro partidas, sem marcar nenhum gol. Já Maidana e Manga serão aproveitados pela comissão técnica assim que se recuperarem das lesões que os afastaram dos gramados.

Comentários Facebook
Continue lendo

Ouça Agora

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana