conecte-se conosco


Esportes

Marta se torna maior artilheira da história das Copas com 17 gols

Publicado

Marta cobrando pênalti
Mowa Press

Marta se tornou a maior artilheira da história das Copas.

Com o gol marcado diante da Itália nesta terça-feira (18), Marta se tornou a maior artilheira da história das Copas . A brasileira quebrou a marca que antes pertencia ao alemão Miroslav Klose, que marcou 16 gols em quatro Copas do Mundo masculina.

Leia também: Copa do Mundo Feminina: Brasil vence a Itália por 1 a 0  e se classifica

Com o gol anotado diante da Itália, Mart a chegou a dois gols no torneio. Com isso, ela quebrou o recorde que pertencia à Klose , que marcou 16 gols entre as Copas de 2002 e 2014. Já que a seleção garantiu a classificação para as oitavas, Marta pode ampliar ainda mais essa marca ao longo do mundial. 

Entre as mulheres, Marta já era artilheira já que havia superado os 14 gols marcados pela alemã e ex-melhor do mundo Birgit Prinz. 

Essa é a quinta Copa do Mundo disputada por Marta . Em sua estreia, no mundial de 2003, ela marcou 3 gols. Na edição seguinte, em 2007, a craque foi um dos destaques e marcou incríveis 7 gols no torneio. Em 2011 foram quatro tentos marcados e em 2015, na última edição do torneio, apenas 1. 

Comentários Facebook

Esportes

René Simões testa positivo para o novo coronavírus

Publicado

source

O ex-técnico René Simões divulgou por meio da sua conta no Instagram, que testou positivo para o novo coronavírus(covid-19). Ele apareceu em um vídeo fazendo embaixadinhas e conta que dia 16 de março sentiu os sintomas e realizou o exame. Porém, apenas nesse sábado (28) teve a confirmação que contraiu o vírus.

“Dia 16 de março senti os sintomas do covid-19. Fui ao hospital e me testaram. Por precaução, mesmo não sabendo o resultado, fiquei em isolamento no meu quarto. Não saí dele e tinha tudo separado para mim dentro de casa. Tudo era higienizado e ninguém entrava no quarto.
Somente hoje recebi o resultado que foi positivo,“ disse.

René Simões teve destaque na seleção da Jamaica entre 1994 e 1998, e conquistou uma vaga para a Copa do Mundo da França(98), a única participação do país na competição. Comandou também a Seleção Brasileira feminina nos Jogos Olímpicos de Atenas, na Grécia (2004) e encerrou a participação com a medalha de prata. Ele teve passagens por clubes brasileiros, entre outros, como: Bahia, Botafogo, Ceará, Coritiba, Figueirense, Flamengo, Fluminense e Santa Cruz. Com 67 anos, pertencente ao grupo de risco, aproveitou para alertar as pessoas sobre os cuidados que devem ter.

“Como o vírus demora a se manifestar, mesmo tendo mais de quatorze dias, seguirei na prevenção e só sairei no dia 30 do isolamento. Somente no primeiro dia tive algum sintoma e depois fiz tudo normalmente. Pensando em como daria a notícia, resolvi pegar a minha amada bola de futebol e fazer a comunicação juntos. Agradecendo a Deus por mais essa vitória. Fiquem bem e os em risco devem ser precavidos.”

Edição: Aécio Amado

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Representante de clubes lamenta falta de acordo coletivo com jogadores

Publicado

source

O presidente do Fluminense, Mario Bittencourt, que representa a Comissão Nacional dos Clubes (CNC), divulgou vídeo neste sábado (28), lamentando a falta de acordo entre clubes e jogadores sobre como proceder em meio à pandemia do novo coronavírus. Com as competições paralisadas, a CNC enviou duas propostas para a Federação Nacional dos Atletas Profissionais de Futebol (Fenapaf) que foram rejeitadas pelos atletas e pelos 21 sindicatos.

De acordo com o dirigente, a segunda proposição surgiu da reunião de cerca de 30 presidentes de clubes e a CBF, acerca de concessão de férias coletivas de 20 dias a todos os jogadores e a redução de 25% dos salários, enquanto os campeonatos estiverem suspensos.

“Nós optamos de forma unânime, por colocar todos os atletas e os departamentos de futebol em férias coletivas a partir do dia 1° de abril, garantindo a eles o que prevê a Medida Provisória 927 do Governo Federal e deixar que as negociações sigam individualmente, entre cada clube com seus atletas e com os sindicatos locais.”, disse Bittencourt.

A MP citada pelo porta-voz dos clubes, dispõe sobre as medidas trabalhistas que poderão ser adotadas pelos empregadores para preservar emprego e renda ao trabalhador, durante o estado de calamidade pública.

Negociações

O representante da CNC diz também que as diretorias seguem negociando com os jogadores e citou que o presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, lhe telefonou e informou que o clube nordestino já negocia com os atletas individualmente.

“Até mesmo em razão do Brasil ser um país de dimensão continental, a gente acabou não conseguindo êxito em fazer um acordo com todos os jogadores, um acordo equânime. Entretanto, conseguimos algo que eu considero uma vitória dos clubes, que foi a união.”

Em relação ao calendário do futebol brasileiro, há o entendimento entre os clubes das séries A, B, C e D na preservação dos estaduais e na manutenção do formato de pontos corridos do Campeonato Brasileiro.

Edição: Denise Griesinger

Comentários Facebook
Continue lendo

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana