conecte-se conosco


Esportes

Jogadores barram CBF da festa pelos 25 anos do tetra; entidade realiza outra comemoração

Publicado

Os tetracampeões vão comemorar a conquista da Copa de 94 na próxima quarta-feira na cobertura de um dos hotéis mais badalados de Ipanema. A data marca os 25 anos do título da seleção brasileira, conquistado nos Estados Unidos. Organizada pelos ex-atletas, a festa juntará quase todos os campeões, terá comida e bebida liberada e música ao vivo à beira da piscina. O evento só não contará com os cartolas da CBF. O veto aos dirigentes é uma das exigências do grupo.

A entidade não quis polemizar. Em nota, a CBF informou que “todas as comemorações pelos 25 anos do Tetra são merecidas”.

– A CBF fez questão de organizar, institucionalmente, um evento para marcar a data e homenagear os campeões mundiais, que ajudaram a escrever a história do futebol mais vitorioso do planeta – acrescentou a entidade, que fará neste fim de semana outro evento para celebrar a conquista.

Capitão da seleção no início do Mundial, Raí foi diplomático sobre o veto aos cartolas.

– Nenhum motivo especial. É apenas para ter um momento só nosso – disse o ex-meia e atual diretor executivo do futebol do São Paulo.

Ao lado de companheiros, Romário levanta a taça do tetra em 1994 — Foto: Ben Radford /Getty Images

Ao lado de companheiros, Romário levanta a taça do tetra em 1994 — Foto: Ben Radford /Getty Images

Na noite desta sexta, a CBF faz na Granja Comary, em Teresópolis, uma festa oficial. A comemoração terminará no sábado após um jogo no gramado do centro de treinamento e um churrasco.

A maioria dos campeões confirmou presença nas duas celebrações. Dezessete ex-campeões estarão em Teresópolis.

Principal responsável pela conquista do título, Romário não participará do evento em Teresópolis.

– Me sinto muito feliz em não participar dessa comemoração do tetra pelo simples fato de a CBF estar presente – disse o ex-jogador no mês passado.

Panfleto de divulgação do evento da CBF — Foto: Divulgação

Panfleto de divulgação do evento da CBF — Foto: Divulgação

Ele comandou uma CPI no Senado para investigar a CBF. Romário ainda não confirmou presença na festa de quarta em Ipanema.

Raí tampouco está no evento oficial da CBF nesta sexta. Ele alegou compromissos profissionais.

A festa da entidade desagradou parte dos atletas que desde maio planejam a comemoração para o dia da conquista do título. Eles alegam que a entidade decidiu festejar a data em Teresópolis após tomar conhecimento do evento dos craques.

Patrocinadores retiraram apoio à celebração organizada pelos jogadores

Inicialmente, a solenidade dos tetras seria numa casa de festas em São Paulo e duraria dois dias. Contaria com um leilão com recordações da conquista. A renda seria revertida para entidades beneficentes.

Com o evento oficial da CBF, patrocinadores decidiram retirar o apoio à comemoração dos jogadores para não desagradar a entidade e inviabilizaram o evento em São Paulo.

A festa no Rio foi confirmada somente no sábado. Raí conseguiu o hotel e a hospedagem. Em 1994, ele era um dos líderes do time. O ex-meia foi titular e capitão nas três primeiras partidas do Mundial dos EUA.

Quando Carlos Alberto Parreira decidiu sacar Raí no time, Dunga ficou com a faixa de capitão e entrou para a história ao levantar a taça no Rose Bowl.

Obtido após uma dramática disputa de pênaltis contra os italianos, o título da Copa dos EUA acabou com um jejum de 24 anos da Seleção sem títulos.

Leonardo e Ronaldo estão fora das duas festas

Na festa em Ipanema, todos os jogadores e integrantes do staff da Copa de 94 terão direito a levar um acompanhante.

Diretor do Paris Saint-Germain, Leonardo comunicou oficialmente que não comparecerá na quarta. Ele alegou compromissos com o clube francês. Caçula do grupo, Ronaldo também estará fora. Ele mora na Espanha.

Familiares do médico Lídio Toledo, do massagista Nocaute Jack, do assessor de imprensa Nelson Borges e do administrador Carlos Alberto da Luz também foram convidados. Os quatro já morreram.

Coordenador-técnico daquela Seleção, Mario Jorge Lobo Zagallo é um dos mais aguardados. Com 87 anos, ele está com a saúde debilitada.

Comentários Facebook

Esportes

Florida Cup divulga datas e horários de jogos de Corinthians e Palmeiras

Publicado

Lance

Corinthians jogará a Florida Cup de 2020 arrow-options
Reprodução/Corinthians

Corinthians jogará a Florida Cup de 2020

A Florida Cup definiu, nesta sexta-feira, os confrontos da edição de 2020 do torneio. Corinthians e Palmeiras estreiam no dia 15 de janeiro, respectivamente contra Spartak Moscow, da Rússia, e Atlético Nacional, da Colômbia. As duas partidas acontecerão no Exploria Stadium, a casa de Orlando City e Orlando Pride, em Orlando, nos Estados Unidos.

Leia também: Caso Daniel: Justiça ordena que assassino pague pensão para filha do jogador

No dia 18, acontecem confrontos cruzados: o Corinthians enfrenta o atual campeão colombiano, enquanto o  Palmeiras encara os russos. O Flamengo é o atual detentor da Florida Cup .

REGULAMENTO

O campeão de 2020 será definido por pontos corridos. Vitórias valem três pontos aos clubes, enquanto empates valem e levam a decisão direta nos pênaltis, que rendem um ponto extra ao vencedor. O primeiro critério de desempate, caso seja necessário, é o número de vitórias, seguido do saldo de gols, confronto direto, gols marcados e fair play, seguindo regras da FIFA.

Flórida Cup - Tabela

Florida Cup 2020 (Foto: Divulgação)

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

“Via demônios”, diz Casagrande ao recordar luta contra as drogas

Publicado

Walter Casagrande arrow-options
Reprodução/Instagram

Walter Casagrande

O comentarista da TV Globo Walter Casagrande contou mais um episódio de sua luta contra as drogas. Em entrevista ao apresentador Amaury Jr., na RedeTV!, ele relembrou um acidente de carro que sofreu em 2007 após consumir drogas e afirmou que “chegou a ver demônios” por conta do surto.

Leia também: Caso Daniel: Justiça ordena que assassino pague pensão para filha do jogador

“Tive um surto psicótico e comecei a ver demônios na minha casa. Surtei porque estava usando droga por vários dias sem parar, sem beber água, sem nada. Então eu surtei naquilo que eu mais estava lendo sobre, que eram coisas demoníacas, trevas, etc. Comecei a ver demônios na minha casa o tempo todo. Saí da minha casa, fui me hospedar num hotel em frente à TV Globo. Fiz o check-in, subi e quando abri a porta os demônios estavam lá ainda. Por que? Porque eles estavam dentro de mim, eles eram meus”, disse o ex-jogador.

Casagrande também contou como foi o momento do acidente.

“Eu estava no caos, péssimo. Usando muita droga que tava me agitando, muita droga para me acalmar e algumas até para dormir, tudo isso misturado com tequila. Quando saí do hotel, eu adormeci ali no Alto da Lapa [Zona Oeste de São Paulo], meu pé pisou no acelerador, subi numa calçada, girei em cima de seis carros e caí ali. Quando acordei já tinha ambulância e tudo e eu estava muito confuso”, completou.

Comentários Facebook
Continue lendo

Ouça Agora

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana