conecte-se conosco


Esporte Amador

Em jogo emocionante; Padaria Rondonópolis vence nos pênaltis e conquista o título da Copa dos Campeões

Publicado

Jogadores da Padaria Rondonópolis comemorando o título- Foto: Ilcimar Aranhas/CIDADE NOS ESPORTES

Jogando na noite do sábado (14) válido pela final da Copa dos Campeões de futebol amador da Vila Operária no campo do Mini Estádio do Monte Líbano, Padaria Rondonópolis e Olaria F.C fizeram um jogo emocionante de 6 gols, mas no final quem soltou o grito de ‘É Campeão’ foi a padaria Rondonópolis. VEJA GALERIA DE FOTOS.

No inicio da Partida o eterno presidente da Padaria Rondonópolis seu ‘Alair’ deu o ponta pé inicial da partida, mas não ficou só nisso, o troféu da equipe Campeã levou o nome em homenagem ao saudoso desportista ‘Zé Coca’.

Já com a bola rolando quem tomou as ações do jogo foi a equipe do Olaria F.C que abriu o Placar aos 12min da etapa inicial com o jogador Pepeu e aos 32 minutos, Alessandro ampliou o placar marcando 2 a 0 para o Olaria. A equipe da Padaria bem que tentou diminuir o placar, mas não conseguiu.

Já na segunda etapa foi a vez da Padaria tomar as ações do jogo partindo pra cima do Olaria, aos 12minutos Renatinho diminuiu o placar do jogo iniciando a reação da equipe. Em seguida o Olaria não intimidou com o gol sofrido e voltou a ampliar o placar novamente aos 22minutos com Pepeu, marcando o terceiro gol para alegria do torcedor olariense.

Com o placar adverso não restou outra atitude para Padaria, a não ser partir pra cima do adversário. Aos 32 minutos Lucas Paes diminuiu o placar marcando o segundo gol da Padaria. Aos 45 minutos novamente brilhou a estrela do jogador Renatinho que aproveitou a falha da defesa do Olaria e marcou o segundo gol na partida  e o terceiro da Padaria empatando a partida e levando a decisão para os pênaltis.

Nas decisões por pênaltis prevaleceu a tradição da Padaria Rondonópolis que venceu garantindo o título da competição.

O melhor goleiro da competição foi Diego Sales (Padaria Rondonópolis) e o Artilheiro foi Carrerinha (Olaria F.C).

Comentários Facebook

Esporte Amador

Equipe da Policia Civil de Rondonópolis é destaque na 9ª Edição dos Jogos Integração da Polícia Judiciária Civil MT

Publicado

Equipe PJC Rondonópolis- Foto: Assessoria

A primeira etapa da 9ª Edição dos Jogos Integração da Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso foi finalizada em meio a muita animação e descontração, na manhã de sábado (12.10), com as disputas das modalidades de ciclismo e basquetebol (feminino e masculino).

O resultado parcial da primeira etapa dos jogos internos segue com as seguintes equipes: em 1º lugar Rondonópolis; 2º lugar Tangará da Serra; 3º lugar Derf Cuiabá; 4º lugar DRE e 5º lugar Deletran.

Nos três primeiros dias de evento foram realizadas provas de futsal, voleibol, natação e basquetebol nas categorias: masculino e feminino.

Durante as partidas, os policiais civis vivenciaram momento alegres de integração com colegas de trabalho. As equipes foram envolvidas na adrenalina do esporte e na competição saudável de amigos proporcionada pela prática da atividade física.

Equipe PJC Rondonópolis- Foto: Assessoria

Na manhã de sexta-feira (18.10), será o vôlei de areia na AABB e na parte da tarde o futebol society, das 15 às 22 horas, no Sindicato dos Investigadores (Sinpol).Os jogos continuam e na próxima quinta-feira (17.10), será a vez do atletismo que ocorre na Universidade Federal do Estado de Mato Grosso (UFMT). No período vespertino serão as modalidades de tênis de mesa e xadrez, no Complexo Dom Aquino.

Para finalizar a 9ª Edição dos Jogos Internos, no sábado (19.10) será realizada a prova de tiro policial na Academia de Polícia Judiciária Civil (Acadepol).

Comentários Facebook
Continue lendo

Esporte Amador

Esporte e Lazer comemora Dia das Crianças com resgate de brincadeiras tradicionais e super-heróis

Publicado

 

Foto: Assessoria

Voltar à época das brincadeiras de rodas, pique-pega, esconde-esconde e outros passatempos tradicionais sem o uso da tecnologia foi uma experiência promovida pela Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel) em diversas escolas e creches do município, além de bairros da cidade durante a semana passada em comemoração ao Dia das Crianças, celebrado em 12 de outubro.

Para tornar o programa ainda mais divertido, os funcionários da Smel se vestiram de Mulher-Maravilha, Super-Homem, Supergirl, Batman, Thor, Lanterna Verde, Batgirl, entre outros super-heróis e interagiram com a criançada que entrou nas histórias e deu asas à fantasia.

Se durante a semana a Smel presenteou os alunos da rede pública do município, no sábado e domingo foram agraciados os moradores das diversas localidades de Rondonópolis. “Ao todo, foram cerca de cinco mil crianças contempladas com os festejos. Entre os bairros que receberam a visita dos personagens estão Jardim das Flores, Dom Osório, Edelmina Querubim, Jardim Magnólia, Pedra 90 e Vila Canaã”, comenta a gerente do Departamento de Esporte e Lazer da Smel, Roseane Prado.

Ela explica que a Pasta fez uma parceria com os líderes comunitários e entidades presentes nesses bairros em que esses organizaram toda a decoração e a Secretaria levou músicas, brincadeiras e personagens. “As festas foram muito família, pois não apenas as crianças aproveitaram a distração, mas todos os familiares. Os adultos voltaram à infância”, conta a gerente.

Conforme Adriana do Carmo Marques, diretora da Cpac São José, uma das escolas que recebeu as festividades, o evento foi um sucesso: “Temos crianças de seis a 12 anos e tanto as pequenas quanto as maiores se envolveram bastante, se relacionando com os super-heróis de maneira bem dinâmica. Os menores, inclusive, embarcaram de tal forma na brincadeira que acreditaram que os personagens eram de verdade. Foi um momento de resgate das brincadeiras antigas”.

Adriana ainda ressalta que o entretenimento vai render um ótimo conteúdo em sala de aula, onde os professores vão aproveitar para explorar conceitos vivenciados pelos estudantes durante a celebração. “Foi interessante que a Mulher-Maravilha estava de óculos e as crianças questionaram o uso do acessório. Algumas delas inclusive, que precisam usar o equipamento, se identificaram com a heroína. A partir daí vamos trabalhar a questão da aceitação das diferenças, até mesmo porque, em nossa escola temos vários alunos especiais”, observa a diretora.

Ao avaliar o resultado da programação oferecida pela Smel, Roseana comemora: “Nós queríamos mostrar que a alegria e a diversão podem acontecer com a convivência simplesmente, sem a necessidade da tecnologia”. A gerente ainda acrescenta: “O principal foi constatar que criatividade é algo natural, espontâneo nas crianças, basta que as estimulemos e elas soltam a imaginação”.

Comentários Facebook
Continue lendo

Ouça Agora

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana