conecte-se conosco


Esportes

Em jogo de arbitragem polêmica, Grêmio vence Vasco de virada

Publicado

Lance

grêmio vence vasco arrow-options
Max Peixoto/DiaEsportivo/Agência O Globo – 13.7.19

Pepe comemora com seus companheiros o segundo gol que deu a vitória ao Grêmio sobre o Vasco

Em jogo de arbitragem polêmica, o Grêmio levou a melhor sobre o Vasco, neste sábado (13) em Porto Alegre e venceu, de virada por 2 a 1. Pikachu abriu o placar e Pepê fez os dois gols gremistas, na partida válida pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro, a primeira depois da parada para a Copa América.

Leia também: Em evento, Neymar fala sobre lesão: “Estou quase 100% recuperado”

Com o resultado, o Cruz-Maltino permanece na 15ª colocação, com 9 pontos, enquanto o Tricolor sobre para a oitava colocação, com 14 pontos. O Vasco volta a campo no sábado, para disputar o clássico com o Fluminense, em São Januário, às 11h. No mesmo dia, às 19h, o  Grêmio disputa o Grenal, no Beira-Rio.

Defesa organizada
Os primeiros minutos de jogo já indicaram que a pausa no campeonato fez bem ao Vasco na parte defensiva. A equipe de Luxa entrou em campo bem ajustada atrás e deu poucos espaços para o time misto do Grêmio criar. Pouco ameaçados, os cariocas passaram a avançar pelo lado direito com a dupla Pikachu-Valdívia. E foi dali, em falta cobrada pelo cabeludo, que David Braz puxou Henríquez dentro da área e o árbitro apontou pênalti. O camisa 2 vascaíno cobrou no canto esquerdo de Paulo Victor para abrir o placar na Arena.

Grêmio pressiona
Em desvantagem, o Tricolor passou a marcar a saída de bola rival e a rondar a área cruz-maltina, mas as dificuldades de criação persistiam. Renato Gaúcho lançou Everton, a sensação da Copa América, ainda no primeiro tempo, mas Fernando Miguel não chegou a fazer defesas difíceis.

Leia também: Fim de uma era! Contrato de Romero com o Corinthians se encerra neste domingo

VAR protagonista
No primeiro minuto da segunda etapa, Pikachu fez grande jogada individual na área e marcou o que seria o segundo gol do Vasco . Na revisão, o VAR, de forma polêmica, indicou falta de Rossi na origem do lance por deixar o braço em Matheus Henrique e o árbitro confirmou a marcação. O time vascaíno sentiu a interferência extra-campo e muito nervoso passou a dar espaços para os rivais. Aos 15, Pepê finalmente igualou ao receber de Luan na direita, invadir a área e chutar cruzado no canto direito. O jovem atacante ainda desperdiçou a chance de ampliar, minutos depois,completamente livre na frente do gol.

Virada gremista
Na metade final da partida, o Vasco conseguiu equilibrar as ações e encaixar alguns contra-ataques. O time teve chances de fazer o segundo com Danilo Barcelos e Macros Jr, mas quem acabou marcando foi o Grêmio . Aos 40, Lucas Mineiro deu espaços para Léo Moura cruzar para Pepê, de cabeça, marcar o gol da virada, que decretou a vitória dos donos da casa.

Leia também: Presidente do Atlético de Madri avisa Barcelona sobre Griezmann: “Temos provas”

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 2 X 1 VASCO

Data/Hora: 13/07/2019, às 17h (de Brasília)
Local: Arena do Grêmio, Porto Alegre (RS)
Gramado: Razoável
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR) – Nota L!: 4,5 – errou ao anular gol de Pikachu
Auxiliares: Bruno Boschilia (PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)
VAR: Paulo Roberto Alves Junior (PR)
Público/ Renda: 9.701 pagantes, 11.281 presentes/ R$ 362.148.00
Cartões amarelos: Juninho Capixaba, Thaciano (GRE); Richard, Rossi, Henríquez, Fernando Miguel (VAS)
Cartões Vermelhos: Não houve

Gols: Yago Pikachu (14’/1ºT, 0-1), Pepê (15’/2ºT, 1-1 e 40’/2ºT, 2-1)

Grêmio: Paulo Victor; Léo Moura, David Braz, Rodriguez, Capixaba; Rômulo (Everton, 37’/1ºT) e Matheus Henrique (Da Silva, 30’/2ºT); Thaciano, Jean Pyerre e Pepê; Luan (Patrick, 35’/2ºT). Técnico: Renato Gaúcho

Vasco: Fernando Miguel, Yago Pikachu, Henríquez, Ricardo Graça e Danilo Barcelos; Richard, Raul e Marcos Jr.(Lucas MIneiro, 34’/2ºT); Rossi, Marquinho (Talles, 30’/2ºT) e Valdívia (Marrony, 24’/2ºT). Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Comentários Facebook

Esportes

Florida Cup divulga datas e horários de jogos de Corinthians e Palmeiras

Publicado

Lance

Corinthians jogará a Florida Cup de 2020 arrow-options
Reprodução/Corinthians

Corinthians jogará a Florida Cup de 2020

A Florida Cup definiu, nesta sexta-feira, os confrontos da edição de 2020 do torneio. Corinthians e Palmeiras estreiam no dia 15 de janeiro, respectivamente contra Spartak Moscow, da Rússia, e Atlético Nacional, da Colômbia. As duas partidas acontecerão no Exploria Stadium, a casa de Orlando City e Orlando Pride, em Orlando, nos Estados Unidos.

Leia também: Caso Daniel: Justiça ordena que assassino pague pensão para filha do jogador

No dia 18, acontecem confrontos cruzados: o Corinthians enfrenta o atual campeão colombiano, enquanto o  Palmeiras encara os russos. O Flamengo é o atual detentor da Florida Cup .

REGULAMENTO

O campeão de 2020 será definido por pontos corridos. Vitórias valem três pontos aos clubes, enquanto empates valem e levam a decisão direta nos pênaltis, que rendem um ponto extra ao vencedor. O primeiro critério de desempate, caso seja necessário, é o número de vitórias, seguido do saldo de gols, confronto direto, gols marcados e fair play, seguindo regras da FIFA.

Flórida Cup - Tabela

Florida Cup 2020 (Foto: Divulgação)

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

“Via demônios”, diz Casagrande ao recordar luta contra as drogas

Publicado

Walter Casagrande arrow-options
Reprodução/Instagram

Walter Casagrande

O comentarista da TV Globo Walter Casagrande contou mais um episódio de sua luta contra as drogas. Em entrevista ao apresentador Amaury Jr., na RedeTV!, ele relembrou um acidente de carro que sofreu em 2007 após consumir drogas e afirmou que “chegou a ver demônios” por conta do surto.

Leia também: Caso Daniel: Justiça ordena que assassino pague pensão para filha do jogador

“Tive um surto psicótico e comecei a ver demônios na minha casa. Surtei porque estava usando droga por vários dias sem parar, sem beber água, sem nada. Então eu surtei naquilo que eu mais estava lendo sobre, que eram coisas demoníacas, trevas, etc. Comecei a ver demônios na minha casa o tempo todo. Saí da minha casa, fui me hospedar num hotel em frente à TV Globo. Fiz o check-in, subi e quando abri a porta os demônios estavam lá ainda. Por que? Porque eles estavam dentro de mim, eles eram meus”, disse o ex-jogador.

Casagrande também contou como foi o momento do acidente.

“Eu estava no caos, péssimo. Usando muita droga que tava me agitando, muita droga para me acalmar e algumas até para dormir, tudo isso misturado com tequila. Quando saí do hotel, eu adormeci ali no Alto da Lapa [Zona Oeste de São Paulo], meu pé pisou no acelerador, subi numa calçada, girei em cima de seis carros e caí ali. Quando acordei já tinha ambulância e tudo e eu estava muito confuso”, completou.

Comentários Facebook
Continue lendo

Ouça Agora

Esporte Amador

Estadual

Mais Esportes

Mais Lidas da Semana